fbpx

Ecossistema de inovação ganha edital específico para investimentos em startups

Chamada pública em parceria com a Fundação Araucária, Sebrae/PR e SRI destinará R$ 700 mil reais para empresas emergentes da região


A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Paraná (FA) e o Governo do Estado, em parceria com o Sebrae/PR e a governança do Sistema Regional de Inovação (SRI), lançaram o Programa de Apoio ao Sistema Regional de Inovação do Sudoeste do Estado do Paraná. Empresas emergentes (startups) ou em processo de formalização sediadas nos 42 municípios do território e que atuam no SRI podem submeter propostas de inovação de base tecnológica para obtenção de apoio financeiro na forma de subvenção econômica.

A Chamada Pública 14/2019 estabelece o montante de R$ 700 mil. Dez projetos serão contemplados com até R$ 20 mil e outros dez, com até R$ 50 mil por startup. O objetivo é apoiar, por meio de recursos não reembolsáveis de subvenção econômica, o desenvolvimento e a inserção no mercado, de produtos ou processos inovadores, novos ou aprimorados, que promovam o incremento rápido das atividades das startups. Poderão ser apresentados projetos em quatro temas: agrotech (agronegócio); eletroeletrônico; tecnologia da informação (TI); e healthtech (saúde).

As propostas devem ser inscritas na Plataforma de Operação de Projetos (Sparkx) até 20 de fevereiro de 2020. A sessão pública de abertura e verificação dos requisitos formais está marcada para o dia 27 de fevereiro. As empresas contempladas no processo de seleção terão até 24 meses para executar os projetos.

O presidente da Fundação Araucária, Ramiro Wahrhaftig, explica que a FA tem acompanhado os ecossistemas de inovação do Estado e que o do Sudoeste é o mais mobilizado e com a melhor governança.

“[Essas características] Nos fizeram priorizar o lançamento de edital, em parceria com o ecossistema do Sudoeste, para direcionar recursos que o próprio SRI definiu. As startups receberão recursos na forma de subvenção econômica para bolsas e custeio. Haverá controle das contas e critérios a serem seguidos”, observa Ramiro.

O gerente da Regional Sul do Sebrae/PR, Cesar Giovani Colini, comemora a Chamada Pública específica para a região Sudoeste.

“Somente ecossistemas amadurecidos conseguem um movimento tão importante a ponto de conseguir uma Chamada Pública exclusiva. Nossa expectativa é de apoio efetivo para as startups em fase inicial”, analisa.

Idemir Citadin, diretor-geral do câmpus Pato Branco da UTFPR, vai além ao projetar os possíveis resultados do edital exclusivo.

“Representa a oportunidade de reunirmos esforços de instituições, com seus professores e pesquisadores, para desenvolvimento de soluções para os problemas regionais, além da incubação de novas empresas, desenvolvimento de novos processos e produtos com foco na inovação.”

A expectativa do diretor é que a UTFPR possa ser competitiva e aprovar vários dos projetos que estão incubados, “porém, respeitando os critérios de meritocracia que estão explícitos no edital”.

Mais informações sobre o edital para o Sudoeste na página da Fundação Araucária http://www.fappr.pr.gov.br/arquivos/File/chamadas2019/2019_CP14_Startup.pdf.


Contato para imprensa:
Antônio Menegatti – (46) 99912-9002
Adriano Oltramari – (41) 3330-5895 / (41) 99232-0502

Fonte: Sebrae

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LOGIN
L