fbpx

Geração de Bioenergia é tema de visita de diretor da Tecpar a Toledo

Fazer de Toledo uma referência internacional em geração de energia a partir da biomassa residual da suinocultura de forma a agregar valor à produção agropecuária. Este é um dos grandes projetos que a administração municipal pretende implantar nos próximos anos e um passo importante nesta direção foi dado na tarde desta terça-feira (26).

Acompanhado pelo secretário especial de Governo, Mario Bracht, e do diretor-executivo da Fundação para o Desenvolvimento da Rádio e Televisão Educativa e Cultural de Toledo (Funtec), Carlos Alberto Nascimento, o prefeito Beto Lunitti recebeu na Sala de Reuniões de seu gabinete o diretor de Tecnologia e Inovação do Instituto Tecnológico do Paraná (Tecpar), Carlos Gomes Pessoa. Em pauta, a discussão de um novo protocolo de intenções que visa “ações para verificação de viabilidade de utilização compartilhada do futuro laboratório da Cidade de Toledo para Análise de Potencial Metanogênico de resíduos orgânicos, assim como aferições de potencial energético do biogás e dos biofertilizantes produzidos na digestão anaeróbica destes resíduos”.

Documento desta natureza foi assinado em 17 de janeiro do ano passado, porém, em razão do prazo de um ano para a execução, este já expirou. Contudo, as partes demonstraram interesse em voltar a firmar parceria, mas em outros termos, isto é, em torno de um projeto mais amplo, que torne mais fácil a adesão por parte dos suinocultores, fornecedores da matéria-prima necessária para a geração de energia elétrica a partir da biomassa.

O secretário especial de Governo enfatiza que este projeto se faz necessário em meio à tendência de crescimento significativo da suinocultura nos próximos anos. “Em breve o Paraná será zona livre de febre aftosa, o que permitirá uma expansão desta atividade a ponto de talvez ultrapassarmos Santa Catarina na liderança nacional na criação e abate de suínos. Para agregarmos valor a esta, é necessário aproveitarmos o potencial energético das propriedades, o que se tornará mais fácil com uma parceria com o Tecpar, que nos ajudará a avaliar toda a cadeia produtiva”, observa. “Considerando as características do nosso município, temos um potencial gigantesco para ser modelo na geração de energia a partir de biomassa”, acrescenta.

Nesta direção, o diretor-executivo da Funtec falou também da intenção de promover um congresso sobre o assunto. “Assim que a pandemia permitir, queremos promover este evento a fim de tornar Toledo relevante neste cenário. Este é o momento de dar este salto de qualidade e não podemos deixar passar a oportunidade”, destaca. “A partir de agora a fundação vai elaborar estudos nesta área e até fim de março queremos conversar sobre um novo protocolo de intenções, que será construído em cima de uma proposta mais consistente, voltada para o resultado. Aliás, neste mundo pós-pandemia que se descortina, é necessário termos um olhar mais apurado nas pessoas, mais cuidado, assertividade e objetividade na tomada de decisões”, salienta.

O diretor de Tecnologia e Inovação do Tecpar assegurou que o instituto está à disposição de Toledo. “Sabemos que há alguns projetos já em andamento no município, alguns até que precisaram ser adequados para atender melhor às demandas, mas seja qual o tamanho das unidades geradoras, queremos auxiliar no que for possível”, garante Carlos Gomes Pessoa.

O prefeito Beto Lunitti falou sobre a viagem realizada recentemente a Curitiba cujo roteiro incluiu uma visita ao Tecpar e do interesse em colocar o município em sintonia com os projetos do Governo do Estado na área. “Estamos abertos a estas iniciativas e queremos também apresentar nossas propostas para o governador e toda sua equipe. Nosso foco é o mesmo: colocar uma lupa nas questões principais de forma a fortalecer nossas virtudes por meio de um projeto sólido, que desperte o interesse dos produtores em participar, que sejam factíveis e não exijam grandes investimentos para serem implantados nas propriedades”, ressalta.

Da Prefeitura de Toledo-PR

27/01/2021  Caio bioenergia, tecpar, toledo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LOGIN
L